planejamento

Quando dizem que o sucesso de uma empresa depende do planejamento, não é exagero. Sem considerar variáveis e os percalços do caminho, as chances do seu sonho se tornar um pesadelo aumenta e muito!

Além de ajudar a prever os problemas, esse mapeamento de ideias é essencial para traçar objetivos e metas e averiguar se a estratégia proposta é a ideal. Aqui você vai entender melhor a sua importância e aprender como fazer um planejamento passo a passo para o seu negócio.

 

O que é o planejamento?

O planejamento é um método para estruturar ações que auxiliem a atingir um objetivo. Ou seja, são ações desenvolvidas que bem executadas levarão ao resultado esperado. Por exemplo, se você deseja vender X no fim do mês, quais passos você precisa dar para isso? São esses passos que devem ser bem elaborados para alcançar essa meta de venda.

 

Importância?

De modo geral, o planejamento é importante para fornecer o melhor caminho em busca de um objetivo. Esse caminho possui passos e ações essenciais que diminuem os riscos de erro.

Através dele, você também terá uma visão detalhada dos seus objetivos e ações. Assim, fica mais fácil averiguar quais passos tomar, o que está sendo feito de errado, o que deve ser melhorado, entre outros aspectos.

Para entender melhor, vamos ao passo a passo de como fazer um planejamento.

 

Planejamento passo a passo

 

1 - Definir público-alvo e ambiente

Em primeiro lugar, é preciso entender mais sobre a sua empresa. Parece fácil, mas não é tão simples assim. Você precisa entender quais são seus principais consumidores (público-alvo) e o ambiente que sua empresa está inserida.

Então, para ajudar nesse processo, reflita sobre as questões abaixo:

  • Público-alvo (aquele tipo de consumidor que mais te interessa):  o que gostam de fazer e consumir, o que esperam da sua empresa, seus hábitos, quais canais de comunicação mais utilizam.
  • Ambiente: entenda onde você está hoje.  Como já dizia o sábio Gato da história de Alice no País das Maravilhas, “[…] quando não se sabe para onde vai, qualquer caminho serve.” Nesse momento, você precisa entender como é o mercado do seu segmento, dados sobre o local em que sua empresa está, quais as tendências do futuro, o que os concorrentes estão fazendo.

 

2 - Traçar objetivos

Sempre estamos pensando no futuro, não é mesmo? Com o seu negócio não deve ser diferente!

Para te ajudar nesse momento, reflita sobre as seguintes questões, por exemplo: Daqui 5 anos, onde sua empresa deseja estar? Qual a porcentagem de crescimento anual que deseja atingir? Qual o faturamento mensal que quer alcançar?

Questões como essas irão te auxiliar a definir objetivos e assim, tomar decisões mais concretas. Mas antes de respondê-las, aqui vai mais uma dica: não pense apenas em metas genéricas, como “o maior possível, o melhor possível”, ou cairá na frase do Gato da Alice.

É preciso que essas respostas sejam alcançáveis, tangíveis e de acordo com a sua realidade.

Dica: coloque dados numéricos a serem alcançados e estipule um tempo para cumprir. Assim, suas metas serão mais fáceis de serem planejadas e também serão alcançáveis.

 

3. Hora de agir!

Para facilitar a compreensão de tudo o que deve estar envolvido nas ações, disponibilizamos um quadro essencial para você estruturar o seu planejamento. Por meio desse template, será possível visualizar cada etapa de modo mais eficaz.

Assim fica mais fácil, né?!

 

4 - Revisar

Parece que acabou, mas ainda não.  Para saber se o seu planejamento está no caminho certo, é preciso acompanhá-lo. Só assim saberá se suas ações são ideais para atingir o seu objetivo.

Desse modo, é preciso acompanhar a realização de tarefas: se estão sendo cumpridas, se estão dentro do prazo, avaliar o modo que foram estipuladas, quais os resultados obtidos, entre outros.

 

Além disso, é preciso estar antenado se essa estratégia traçada é a mais ideal para o seu negócio. Isso pode ser analisado através dos resultados em um determinado período de tempo – após um tempo mínimo para gerar resultados, claro. E caso não seja adequada, o ideal é reformular e reestruturar o planejamento por meio de outra estratégia.


planejamentoa importância do planejamentoplanejarnegóciosestratégias